Rua Direita
Domingo, 8 de Maio de 2011
Francisco Mendes da Silva

O programa do PSD tem um capítulo dedicado à reforma do sistema político, do qual fazem parte, entre outras, as seguintes propostas:

 

1. A redução do número de deputados, de 230 para 181. Já disse aqui o que penso da ideia. É uma tentativa de golpe pelo partido que provavelmente mais tem feito por encher o Parlamento de caciques mudos e incompetentes. Até percebo Passos: o homem olha para a sua bancada como aquela pessoa que olha para a própria casa e se pergunta como foi possível acumular uma colecção tal de bibelots imprestáveis.

 

 

2. "A introdução de mecanismos de personalização das escolhas pela via do voto preferencial opcional". Estamos a falar, julgo, do sistema do alternative vote tal como na última Quinta-feira foi a referendo no Reino Unido (também conhecido por instant runoff na Austrália, por exemplo). É um academismo que seguramente foi vendido à direcção do PSD por alguma dessas estrelas da "ciência política" ou da "politologia" que a circundam, entediada com a vida inconsequente nos gabinetes da Universidade. A verdade é que se trata de um sistema que só é utilizado para eleger membros de assembleias legislativas nacionais em três países do mundo: Austrália, Fiji e Papua Nova Guiné. No Reino Unido - onde foi referendada por proposta dos Democratas Liberais, aceite pelos Conservadores como contrapartida da inclusão daqueles na coligação de governo -, foi derrotado inapelavelmente (praticamente 70% disseram que não o queriam). As desvantagens estão resumidas aqui e aqui.

 

Seja como for, o PSD embrulha a coisa na ideia habitual: aproximar os eleitos dos eleitores. Juro que nunca percebi por que raio o afastamento é culpa do sistema. Isso de culpar o sistema - a superestrutura - é uma mania marxista que só serve para desresponsabilizar e desculpar os indivíduos. O que é que, no modelo actual, impede um deputado de prestar contas aos seus eleitores e estes de lhas pedirem? Por exemplo, no distrito onde sou eleitor (Viseu), o que é que impediu o cabeça-de-lista do PSD, o Dr. José Luis Arnaut, de ser reconhecido pelos eleitores? Desde logo, foi a distância: devem contar-se pelos dedos das mãos as vezes que o Dr. Arnaut, nos oito anos em que foi deputado por Viseu, foi ao distrito em trabalho político, escutar os eleitores. E depois, claro, foi também o desinteresse dos eleitores, que nunca questionaram ou se indignaram com a ausência do seu mal-agradecido deputado.

Temas: ,
Publicado Por Francisco Mendes da Silva em 8/5/11
Link do Post | Comentar
1 comentário:
De Fernando Sousa da Pena a 8 de Maio de 2011 às 22:58
Discordo da sua opinião. O sistema de "um homem, um voto" produz distorções sensíveis nas escolhas dos eleitores. Se me permite a comparação demasiado básica, imagine um Campeonato do Mundo de Fórmula 1 em que ganha o que vencer mais grandes prémios. A contagem de Borda é cientificamente comprovada. Um sistema tipo Festival da Canção, o que permite hierarquizar as escolhas dos eleitores e deixar de vez a tontice do voto útil.


Comentar post

Autores
Contacto
ruadireitablog [at] gmail.com
Subscrever Feeds
Redes Sociais
Siga o  Rua Direita no Twitter Twitter

Temas

'tiques socráticos'(6)

acordo(10)

administração pública(8)

ajuda externa(21)

alternativa(7)

bancarrota(13)

be(7)

bloco(11)

bloco central(5)

campanha(50)

cds(102)

cds-pp(12)

cds; psd(6)

comunicação(7)

constituição(6)

day after(8)

debate(12)

debates(52)

defice(8)

democracia(10)

desemprego(10)

desgoverno(11)

despesa pública(9)

dívida pública(11)

economia(20)

educação(19)

eleições(26)

esquerda(6)

estado social(23)

fiscalidade(14)

fmi(46)

futuro de portugal(17)

governar portugal(6)

governo(9)

humor(9)

josé sócrates(36)

legislativas 2011(6)

ler os outros(21)

maioria absoluta(26)

manifesto(32)

memorandum(38)

novas oportunidades(14)

passos coelho(13)

paulo portas(10)

política(15)

portugal(26)

programa de governo(7)

ps(108)

psd(73)

sair da crise(22)

saúde(6)

socialismo(19)

sócrates(63)

socrates(11)

sondagens(12)

troika(31)

tsu(7)

valores(6)

voto(9)

voto útil(32)

todas as tags

Últimos Links
Twingly Blog Search link:http://ruadireita.blogs.sapo.pt/ sort:publishedÚltimos Links para o Rua Direita
Pesquisar Neste Blog
 
Arquivos

Novembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

blogs SAPO