Rua Direita
Segunda-feira, 16 de Maio de 2011
Adolfo Mesquita Nunes

Ninguém aqui contesta o direito de Fernando Nogueira dizer o que lhe apetece sobre Paulo Portas ou sobre o CDS. Mas já não nos peçam para não considerar, sei lá?, revelador, que Fernando Nogueira tenha decidido interromper 15 anos de silêncio para atacar o CDS ao invés de ter optado por criticar o PS, José Sócrates ou o estado a que os socialistas, com a mão do PSD, deixaram chegar o país. 

Publicado Por Adolfo Mesquita Nunes em 16/5/11
Link do Post | Comentar
4 comentários:
De Pedro da Quitéria Faria a 16 de Maio de 2011 às 18:02
Não há apenas cada vez mais pessoas a pensar como nós. Há também cada vez mais pessoas a falar sobre nós... Quanto mais falam, mais subimos nas sondagens...Só temos que agradecer com profunda gratidão.


De Hugo Nogueira a 17 de Maio de 2011 às 11:35
Caro Adolfo,

Confesso que não sei o que pensar, se não leste o que disse Fernando Nogueira ou se preferiste esquecer a primeira parte da sua intervenção. A mensagem que transmitiu foi que o PS trouxe o país à Bancarrota e que está isolado, que nunca garantirá a maioria absoluta necessária para a governação do País. Foi isto, esta urgência gritante que não é reconhecida por muitos portugueses (a acreditar nas sondagens), que o levou a quebrar um longo silêncio de 15 anos.

Só na segunda parte da intervenção é que se refere ao Paulo Portas, metendo-o no seu lugar, contestando o seu ataque de loucura que o levou a "acreditar" que tem tamanho para chegar a primeiro-ministro (a fazer lembrar a loucura do Sócrates que confunde Portugal com um Paraíso na terra).

 Espero sinceramente que Paulo Portas não tenha de se voltar a demitir por ter menos de 7% dos votos, que deixe de proferir declarações patetas e passe a fazer oposição ao PS e não ao PSD.

abraço,
HN


De Adolfo Mesquita Nunes a 17 de Maio de 2011 às 14:24
Caro Hugo,

Eu não frequento as acções de campanha do PSD, pelo que não posso delas saber senão pelos jornais. E aquilo que os jornais publicaram abudantemente - e bem, porque são declarações relevantes - foram as declarações de Fernando Nogueira relativamente ao CDS. E foi sobre essas que escrevi.

Foram declarações de Fernando Nogueira sobre a falta de bondade das políticas propostas pelo CDS? Não. Foram declarações sobre a má oposição do CDS a Sócrates? Não. Foram declarações sobre a desadequação do manifesto do CDS? Não. 

Foram declarações sobre os tiques socráticos de Paulo Portas e sobre a forma como este não tem possibilidade de ser Primeiro-Ministro.

Se respeito a posição quanto à impossibilidade de Paulo Portas ser PM (que deve ser proporcional à possibilidade de o PSD ter uma mairoia absoluta sozinho), embora dela discorde (basta recordar o que aqui escreveu o Francisco Mendes da Silva: "Como assim? Desde quando é que, em eleições legislativas democráticas, algum partido tem maior legitimidade do que qualquer outro para achar, antes do acto eleitoral, que poderá vir a indicar um primeiro-ministro?", já me parece demais que nos peçam que respeitemos a posição quanto aos tiques socráticos de Paulo Portas. Sabemos bem o que quer dizer, para pessoas como eu e como tu, essa coisa de socrático, pelo que o insulto é patente. É livre e legítimo, mas é insulto. 

O resultado das eleições será o que os portugueses quiserem. 

Um abraço,
a. 


De Hugo Nogueira a 20 de Maio de 2011 às 16:27
Não é verdade Adolfo, e tu sabes disso. Não há um único jornal que não faça referências aos primeiros comentários que foram dirigidos ao Sócrates. Segue infra exemplo:

http://aeiou.expresso.pt/fernando-nogueira-diz-que-portas-tem-tiques-socraticos=f648988


abraço,
HN
Ps. Não queres votar útil?


Comentar post

Autores
Contacto
ruadireitablog [at] gmail.com
Subscrever Feeds
Redes Sociais
Siga o  Rua Direita no Twitter Twitter

Temas

'tiques socráticos'(6)

acordo(10)

administração pública(8)

ajuda externa(21)

alternativa(7)

bancarrota(13)

be(7)

bloco(11)

bloco central(5)

campanha(50)

cds(102)

cds-pp(12)

cds; psd(6)

comunicação(7)

constituição(6)

day after(8)

debate(12)

debates(52)

defice(8)

democracia(10)

desemprego(10)

desgoverno(11)

despesa pública(9)

dívida pública(11)

economia(20)

educação(19)

eleições(26)

esquerda(6)

estado social(23)

fiscalidade(14)

fmi(46)

futuro de portugal(17)

governar portugal(6)

governo(9)

humor(9)

josé sócrates(36)

legislativas 2011(6)

ler os outros(21)

maioria absoluta(26)

manifesto(32)

memorandum(38)

novas oportunidades(14)

passos coelho(13)

paulo portas(10)

política(15)

portugal(26)

programa de governo(7)

ps(108)

psd(73)

sair da crise(22)

saúde(6)

socialismo(19)

sócrates(63)

socrates(11)

sondagens(12)

troika(31)

tsu(7)

valores(6)

voto(9)

voto útil(32)

todas as tags

Últimos Links
Twingly Blog Search link:http://ruadireita.blogs.sapo.pt/ sort:publishedÚltimos Links para o Rua Direita
Pesquisar Neste Blog
 
Arquivos

Novembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

blogs SAPO