Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rua Direita

Rua Direita

05
Mai11

Acordo Troika = PEC IV?

Francisco de Almeida

Continuo sem perceber uma coisa. Segundo o Sócrates, o acordo da Troika é em larga medida igual ao PEC IV. Portanto pergunto: no caso dos partidos da oposição terem tido o comportamento patriótico e responsável de aprovar o PEC IV (segundo Sócrates, mais uma vez) quem é que nos emprestava os 78 milhões a uma taxa de 5.5%?

 

A mim, parece-me que o nosso PM deu razão à oposição, já que o chumbo do PEC IV permitiu, que com as mesmas medidas, Portugal possa ir buscar o dinheiro que necessita muito mais barato do que estava a pagar na altura.

 

Um bom negócio, digo eu.

04
Mai11

Do patriotismo do Bloco e do PCP

Adolfo Mesquita Nunes

Sem que alguma vez tivessem sido chamados a pronunciar-se sobre as consequências do que sugerem, Bloco de Esquerda e PCP insistem, por um lado, na recusa em participar nas negociações da ajuda externa e, por outro, na ideia de que Portugal deveria reestruturar ou, no limite, deixar de pagar a irresponsável dívida que os socialistas nos deixam de presente. A ideia pode parecer tentadora, sobretudo quando embrulhada no patriotismo, mas o Carlos Martins explicou já, de forma particularmente impressiva, quais as consequências do "patriotismo" do Bloco e do PCP:

 

Deixar de pagar nao só mergulharia o País num caos social e financeiro, como tornaria o crédito para todos demasiado caro para se usar. É uma solução a evitar a todo custo (...).

 

Os próximos tempos não vão, de facto, ser fáceis. Mas serão muito piores se o Bloco de Esquerda e o PCP tiverem força suficiente para impor aquilo a que eles chamam de patriotismo. Na verdade, à boleia desse "patriotismo" apenas cavarão mais fundo o buraco em que os socialistas nos enfiaram. Portugal precisa pouco de irresponsabilidades folclóricas neste momento. 

04
Mai11

Meia Bola e Força!

João Ferreira Rebelo

E pronto, lá vamos nós alegres e contentes, cantando e dançando.

 

Afinal era tudo um grande exagero da oposição e dessa corja de classe, que são os economistas. Afinal, tudo não passou da fase má do ciclo económico. Podemos continuar a dar subsídios a quem não precisa, a fazer estradas inúteis, a criar desperdício na saúde e a inventar licenciaturas de milhares de euros em 6 meses! Basta para isso fazer uns pequenos “ajustes” às pensões dos malandros que ganham muito e “dar uns toques” aqui e ali, pois, contas feitas, está tudo bem e já passou…

 

Reformas de fundo? Encontrar soluções para resolver, de facto, o problema do endividamento? Não, nem pensar! Isso são devaneios da oposição gananciosa pelo poder. Não é preciso!! Avisem lá as agências de viagens que já podem fazer mega-promoções para o Verão, já que, afinal, até sobram uns trocos para ir de férias. E quem sabe se dos 78 não restam ainda umas migalhitas para o TGV!

 

Surpresas? Também não! Graças a Deus o PS já tinha previsto isto tudo, estava tudo no PEC, mais do que controlado, os “maus” é que não deixaram avançar. Enfim, o costume. Acho que podemos ir todos para a praia e beber uns copos, na verdade não há nada para discutir…!

 

03
Mai11

Nem estes se entendem

João Monge de Gouveia

Desentendimento na troika sobre o montante da ajuda a Portugal “está a atrasar o acordo.

 

Isto está bonito está.

 

No governo e no PS ninguém se entende... uns desaparecem, outros continuam amigos dos que desaparecem, aqueles vão substituir outros na representação do Governo à Troika...

 

No PSD nunca ninguém se entendeu.

 

E agora é a troika que não se entende.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Contacto

ruadireitablog [at] gmail.com

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D