Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rua Direita

Rua Direita

20
Mai11

Conferências com perguntas dão nisto

Zélia Pinheiro

Hoje de manhã, na conferência do Diário Económico, José Sócrates evidenciou dificuldades em responder a uma pergunta sobre os problemas de competitividade da economia portuguesa nos ultimos seis anos.

 

Um empresário interpelou-o, de forma absolutamente correcta, observando que, após ter ouvido o discurso de JS, lhe parecia que "os seus actos não reflectiam as suas palavras".

 

Na reacção de José Sócrates, não sei o que me surpreende mais: se a falta de fair play em resposta a uma pergunta fundamentada e mesmo educada, se a colocação da questão no campo pessoal ("eu não lhe reconheço nenhuma autoridade moral para dizer que as suas palavras correspondem melhor aos seus actos do que as minhas"), se o tom quase ameaçador daquele "eu não gostei do que disse - não gostei".

 

Mas acho que já sei porque é que Sócrates prefere conferências de imprensa sem perguntas, fotógrafos nem cameramen.

05
Mai11

Questão 3

João Monge de Gouveia

Então vamos lá ver se percebi bem esta noticia:

 

Sócrates dizia que Portugal não precisava de pedir ajuda e recusava-se a governar com o FMI.

Agora diz que não disse e é candidato a primeiro ministro tendo que negociar e governar com o FMI.

 

O Chefe de missão e representante da Comissão Europeia diz que as medidas seriam menos restritivas se Portugal tivesse pedido ajuda mais cedo.

Diz ainda, que o PEC IV não iria servir para reduzir o défice para 3,9%.

 

E Sócrates continua com 30% nas sondagens, apesar de tudo o que disse e continua a dizer ser claramente desmentido por factos completamente notórios, é isto, certo? 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Contacto

ruadireitablog [at] gmail.com

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D